Inicio / Justiça mantém promoção na Polícia Civil

Justiça mantém promoção na Polícia Civil


Matéria de capa do jornal O DIA, edição do feriado (12/10/2017), informa sobre a histórica decisão liminar em 2a instância, em Ação Civil Pública promovida pelo corpo jurídico próprio da parceria do SINDPOL e COLPOL, onde a 14a Câmara Cível do TJRJ, por unanimidade, determinou a promoção de TODOS os Policiais Civis que preenchem os requisitos previstos na legislação. O acórdão será publicado e o Estado intimado a cumprir imediatamente a decisão judicial.

É Leia Mais…


Postado por Carlos Senna Jr em 16 de outubro de 2017 as 11:10


SINPOL IMPEDIDO JUDICIALMENTE DE FALAR COMO REPRESENTANTE DOS POLICIAIS CIVIS


Por decisão judicial da 15a Vara do Trabalho do Rio de Janeiro, nos autos do processo n° 0100821-22.2017.5.01.0015, o Sindicato dos Funcionários da Polícia Civil está IMPEDIDO de se manifestar em nome da categoria Policial Civil, nos termos da sentença proferida pelo Exmo. Juiz do Trabalho, Dr. Carlos Eduardo Diniz Maudonet, conforme transcrito a seguir:

“Pelo exposto, julgo PROCEDENTE o “petitum” para determinar que a Reclamada (sinpol) se abstenha de praticar qualquer ato, bem como emitir Leia Mais…


Postado por Carlos Senna Jr em 16 de outubro de 2017 as 11:10


Seminário Saúde Mental do Polícial Civil

Seminário Saúde Mental da Polícia Civil, por iniciativa do COLPOL, e do SINDPOL foi realizado um seminário que debateu as condições de trabalho que geram as condições da mente de quem trabalha na segurança pública. O debate envolveu os demais setores da segurança, já que tivemos um depoimento muito forte de uma PM. E para evitar sua possível punição colocamos seu depoimento de modo a não se identificar quem falou. Uma atitude corajosa dos promotores que querem colocar o dedo Leia Mais…


Postado por Carlos Senna Jr em 9 de outubro de 2017 as 10:10


A última trincheira do policial permanece firme!


Na data de comemoração do “Dia do Policial Civil”, 29 de setembro, não há nada que os Policiais Civis do Rio de Janeiro possam festejar. Os salários continuam atrasando e sem calendário, as horas-extras permanecem não sendo pagas, as metas de produtividade foram esquecidas, as promoções previstas em lei não são concedidas, as condições de trabalho seguem precárias e uma sobrecarga decorrente de 60% de falta de efetivo, são alguns dos problemas que a Leia Mais…


Postado por Carlos Senna Jr em 29 de setembro de 2017 as 09:09



Sr. Deputados, em 2018, lembrarei do seu voto durante a crise, para escolher o meu voto.

Uma oportuinidade única, assine para tirar do poder Pezão e Dornelles, é a hora do povo exprimir sua vontade. Chega de corrupção, chega de calamidades, chega de compreender, quem trabalha tem de receber seu salário. Assine
Muspe © 2017 - Design by : REALIDADE Virtual