Publicação / A CEDAE deve ser privatizada?

A CEDAE deve ser privatizada?

Foto de 2015, até hoje continua do mesmo jeito, falta vontade política para completar a obra.


Quando o Brasil era uma colônia de Portugal, a vida era bem difícil, faltava serviços e produtos, pois tudo tinha de ter ordem da coroa para poder funcionar aqui. No reinado português, como em todo reino, o empreendedorismo, ou capacidade de criar do ser humano, ficava a mercê da vontade do Rei.

O Brasil Império aconteceu em meio a revolução industrial, e Pedro II tinha a mente aberta para o futuro, lutou muito para trazer as inovações, e os serviços para o País.

 

Na república esta vontade foi moldada pelo voto, as inovações, os serviços chegavam onde o voto era amigo, e aos poucos foi se criando feudos, ou currais eleitorais, onde o político só atende à necessidade em troca do voto. Na baixada fluminense a coisa só funciona deste jeito, faltava iluminação pública, e a empresa responsável era estatal, então a pedido de um político, antes das eleições uma rua era iluminada, depois das eleições, se tirava postes, lâmpadas, e fios, e tudo voltava a ficar às escuras. Faltava ruas asfaltadas, faltava esgoto, as valas passavam na porta das casas, e água só de poço. E com água e saneamento, é a mesma coisa, em Duque de Caxias, se espera há 10 anos a construção de um reservatório em Jardim Primavera(foto), resolver este problema faz parte da campanha de muitos políticos, por isso nunca se resolveu nada, é a promessa da água em troca do voto.

Há uns 40 anos atrás, tivemos uma fase onde o poder público encampava tudo, se você tinha uma barbearia, e ia falir, sua barbearia virava estatal, e ao perceber que tínhamos diversos profissionais, diversos serviços, que não fazem parte do básico do poder público, que são saúde, educação, segurança, e transporte, começou a fase das privatizações. Estas privatizações hoje entram na área que deve ser exclusiva do governo. A ideia era de que o empresário faria um bom serviço para buscar lucro, haveria concorrência, a competição manteria os preços baixos, e o País ia funcionar perfeitamente. Mas na verdade a coisa não é bem assim…..

O transporte é privatizado, e atende somente a vontade de seus donos, as linhas e horários só funcionam pelo lucro, o transporte social é uma piada, com horários e tarifas que ajudem o povo nunca existiu. O setor rodoviário, com propina, acabou com o transporte do trem de passageiros, que era estatal, para que este serviço não funcionasse. Sem concorrência direta o povo sofre com tarifas altas, itinerários longos, e horários que mal atendem, a população. Então privatizamos o trem, o serviço começou a melhorar, mas hoje a ambição de ganhar mais, faz com que o trem não cumpra os Estatutos do Idoso, das pessoas deficientes, e o das cidades, sem falar do código de defesa do consumidor. E agora querem acabar com alguns ramais para trocar o passageiro pela carga, que paga bem mais. E como você vai trabalhar? Se vira, mude de emprego, e passe a trabalhar perto de casa!

A energia elétrica foi privatizada, e antes a gente pegava as moedas do bolso, e pagava as contas, hoje o serviço não melhorou, e se usa boa parte do salário vai com a conta de luz. Falaram até que você ia poder escolher a operadora, mas colocaram chip, e sua conta foi para as alturas. Por isso sou contra a privatização da CEDAE, o serviço não vai mudar, e todos pagaremos caro por água e esgoto. Mesmo que o esgoto vá para o rio, por causa de ligação clandestina entre as casas, e as galerias pluviais, eles vão tratar o rio. A câmara metropolitana chegou a pensar em instalar UTR (Unidade de Tratamento de Rio), por achar difícil separar o esgoto que é jogado nas galerias pluviais, então vai tratar no rio perto de sua foz na Baía de Guanabara. A água vai limpa para a Baía, e esta água de reuso pode ser vendida a população junto com a cobrança pelo tratamento do esgoto, hoje o povo usa água de poço. E a água boa da região vai continuar a sendo enviada para a Barra, e a Zona Sul.

Os metais pesados despejados nos rios pelas indústrias da região, continuarão na água, o rio que é um sistema de vida continuará morto. A água da Baía ficará aparentemente limpa, mas sem vida. A água de reuso que vão te vender, vai obrigar a quem tem condições a continuar a comprar água mineral para beber. Se isso criar doenças, que você tenha um plano de saúde, pois a saúde também foi privatizada, e vai continuar a funcionar como hoje, entre na fila e espere, e que seja um bom plano, já que tem muito plano que está com fila. E você, como sempre, vai pagar por tudo isso.

E mesmo que eles façam tudo certo, quanto você acha que esta água vai te custar, e quantos votos vão te pedir?????

E hoje para salvar o Rio da falência, vão tirar um pedaço dos salários dos servidores, o servidor que arrume outro emprego para completar sua renda, vão vender a CEDAE, e continuar a gerar a calamidade concedendo isenção fiscal. Ora se o Estado vive do que arrecada, se ele abre mão de receber sua arrecadação, como ele sobrevive??????

Voltaremos a escravidão, começando pelos servidores???????

Vai sonhando que CEDAE privatizada vai te trazer água boa com um custo baixo, e seu esgoto sendo tratado como se deve.

Água é vida, saneamento é saúde.

Sorria você continua a ser enganado!!!!!!

E aí, vai continuar votando neles!!!!!!

Carlos Senna Jr.

MTE 32447/RJ

carlossennajr@yahoo.com.br

Postado em 2 de Fevereiro de 2017 as 11:02




Sr. Deputados, em 2018, lembrarei do seu voto durante a crise, para escolher o meu voto.

Uma oportuinidade única, assine para tirar do poder Pezão e Dornelles, é a hora do povo exprimir sua vontade. Chega de corrupção, chega de calamidades, chega de compreender, quem trabalha tem de receber seu salário. Assine
Muspe © 2017 - Design by : REALIDADE Virtual